Existe forma certa de viajar??

Viajante ou turista? De mochila ou mala de rodinhas? Conhecendo vários países em 10 dias ou parando 10 dias em cada cidade? Hostel ou Hotel 5 estrelas? Viagens curtas ou longas? Pacote ou por conta? Constantemente me deparo com essas comparações por aí. Uns dizem que a forma certa é a x, outros a y e a briga nunca acaba. Quer saber a minha opinião??? É claro que existe forma certa de viajar. Duvida? Vou te mostrar que tem sim.

Caso 1. Você é uma aventureiro nato, que adora novas experiências, prefere descobrir as coisas sozinho. Tempo? Não é problema. Dinheiro? Pouco. É bem provável que nesse caso você vá se hospedar em algum hostel ou até na casa de algum couchsurfer, vai usar o transporte público para se deslocar, carregará nas costas a mochila companheira de diversas viagens e vai desfrutar de cada lugar sem pressa e sempre tentando descobrir alguma pechincha.

Caso 2. Você é um executivo que tem apenas 20 dias de férias por ano para desfrutar com a família. Tempo? Escasso. Dinheiro? Não é problema. Nesse caso imagino que as viagens sejam fechadas através de um agente de turismo, o hotel se não for cinco estrelas deve ser confortável por que de estressante já basta o trabalho.

Caso 3. Você morre de vontade de viajar e conhecer vários países da Europa mas não sabe falar outro idioma além do português. Juntou a grana para a viagem durante um bom tempo e não sabe quando haverá outra oportunidade de sair do país. Morre de medo de ficar perdido no Velho Continente e morrer de fome sem saber como pedir comida nos restaurantes. Nessa caso sua opção é comprar um pacote com tudo incluso. Guias, passeios, paradas para comer e vários países em uma só viagem.

E aí? Qual desses é o certo? TODOS, e se a gente for pensar existem outras milhares de possibilidades, depende só de você e do que você espera para sua viagem. Nós já viajamos cheios de malas e também de mochila, fizemos vários países em uma viagem ou decidimos ficar pelo menos uma semana no lugar, ficamos em hostels e em hotéis mais sofisticados, fizemos passeios super famosos e descobrimos lugares pouco conhecidos mas muito legais. Cada viagem é única e a forma certa de viajar pode mudar quando e como você quiser. Não entra nessa de “não vou conhecer tal lugar porque é muito turístico”. Se você quiser ir você tem que ir. Essa briga pra definir o que é turista e o que é viajante pra mim é uma grande besteira. São sinônimos, todos querendo se divertir e conhecer lugares diferentes e eu não tenho problema algum em dizer que adoro lugares que todo mundo gosta, nem que seja modinha. Sua forma de viajar é a certa e ponto final. Viajante ou turista, mochileiro ou sofisticado, o importante é conhecer os lugares da sua Wish List.

E você, viaja como??  Conta aqui pra gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *