Conhecendo o Cabo da Boa Esperança

Responda rápido. Qual o ponto mais ao sul da África do Sul? Cabo da Boa Esperança? Bééééééééé, resposta errada. Mas calma que você não é o único a achar isso. Nós também achávamos e descobrimos que não era quando começamos a pesquisar um pouco mais. Se você é daqueles que disse respondeu Cabo das Agulhas, parabéns. O Cabo da Boa Esperança é o ponto mais ao Sudoeste da África, mas alguém muito persuasivo sempre nos fez pensar errado.

Porque Boa Esperança?

Bom, mas vamos trocar a aula de Geografia pela de História. Você tá lembrado desse Cabo? É aquele famoso, que era chamado de Cabo das Tormentas pois era comum haver grandes tempestades por ali. O nome foi mudado por D João II quando descobriu que o navegador Bartolomeu Dias havia conseguido contorná-lo. O Cabo se tornou da Boa Esperança, pois os portugueses tinham muita esperança de chegar as Índias e comprar especiarias. Eu também tenho esperança de um dia chegar a Índia, mas isso não vem ao caso agora.

E pra visitar, como faz?

Geralmente quem visita o Cabo fica hospedado na Cidade do Cabo. São aproximadamente 70 km, ou 1h15 de viagem, se você não se enroscar pelo caminho. Falo isso porque as paisagens litorâneas são lindas e a vontade de parar para tirar fotos é grande. Aconselho que você vá pela Chapmans Peak Drive, que dizem ser linda. Isso se estiver de carro, é claro. Nosso plano era passar por ali, mas houve um deslizamento de pedras e o caminho estava interditado. Independente do caminho que você pegar você terá vistas maravilhosas. A África do Sul, principalmente a região do Cabo, tem paisagens fabulosas para todo canto. Se você não estiver de carro a opção é ir com uma agência de turismo, não encontrei opções de transporte público até lá.

Não lembro o nome dessa cidadezinha, mas fica no caminho para o Cabo. É um charme!
Não lembro o nome dessa cidadezinha, mas fica no caminho para o Cabo. É um charme!
Muizenberg Beach com suas casinhas coloridas.
Se for até o Cabo da Boa Esperança você vai passar por aqui, Muizenberg Beach.
Avestruz com mar ao fundo no Cabo da Boa esperança
O avestruz foi o primeiro animal que vimos na África do Sul, no Cabo da Boa Esperança.

A famosa placa

Todo mundo que chega até o Cabo da Boa Esperança tem que tirar foto com a placa que marca as coordenadas. Nada mais justo. Dependendo do horário do dia você terá que encarar uma fila por ali. Nós chegamos bem cedo e antes de avistar a tal placa vimos um avestruz e alguns babuínos. Tivemos que encarar a fila, mas foi super rápido e ainda descolamos um fotógrafo. A maioria da pessoas que chega até aqui só quer saber de uma foto e tchau, nem percebe a trilha que fica ao lado esquerdo, que te leva para o alto das pedras. Nós fomos os únicos que resolvemos encarar. É só subida, mas não tem nenhuma outra dificuldade além disso. Subam.Ver o mar e os penhascos recompensa a subida. Lá de cima você pode analisar também se o dia está mais para Esperança ou Tormentas.

A famosa placa do Cabo. Se tiver sorte pegará pouca fila, como nós.
A famosa placa do Cabo. Se tiver sorte pegará pouca fila, como nós.
Ao lado da famosa placa tem uma trilha. Suba!! É lindo lá em cima.
Ao lado da famosa placa tem uma trilha. Suba!! É lindo lá em cima.
Em cima do penhasco com linda vista ao fundo
Depois do esforço, a recompensa.
De cima da trilha cênica do Cabo da Boa Esperança
Só quem sobe a trilha fica com essa imagem na memória.

Cape Point – chegando até o Farol

Depois da atividade física a gente seguiu para Cape Point, que é onde fica o antigo Farol. Ele foi desativado pois fica numa encosta alta e era facilmente encoberto pela neblina. Aqui há restaurantes, banheiros e uma lojinha para os consumistas ou aqueles que querem levar uma recordação pra casa. Do estacionamento até o Farol tem mais subida. Você pode ser esperto e pegar o funicular, ou ser mão de vaca e ir andando. Adivinha qual a gente escolheu? No meio do caminho comecei a pensar se o funicular não teria sido uma melhor opção. O Google diz que são só 650 m, mas eu discordo, acho que é mais. Pelo caminho você encontra placas te alertando a ficar longe dos babuínos e se der de cara com algum na trilha não alimente. Finja que não viu e se afaste lentamente. Babuínos tem dentes enormes e podem invocar com você.

Vou me tornar repetitiva mas não tem como escrever outra coisa, Lá em cima a vista é maravilhosa. Você descobre uma praia escondida entre os Cabos e vê aqueles penhascos gigantescos com água batendo. É espetacular. Nós ficamos uns bons minutos só observando o mar e os passarinhos que fazem ninho entre as pedras.

Placa no início da subida de Cape Point.
Aqui é o início da “tortura” para quem não quer usar o funicular. e da-lhe subida.
Vista do cabo da Boa Esperança a partir de Cape Point
Vista linda a partir do Farol de Cape Point
Babuíno que estava ao lado do carro.
Babuínos podem atacar, então fiquem espertos ao caminhar por aqui.
O Farol que foi desativado por causa da névoa.
O Farol que foi desativado por causa da névoa.
Penhasco com as ondas batendo.
Aqui podíamos ficar horas observando as ondas e os passarinhos.
Beija flor verde e preto em flor vermelha.
Esse Beija-flor tem cores cintilantes que contrastam com as flores do Cabo.

Ataque dos pássaros do Hitchcock

Quando a gente desceu resolveu almoçar por ali mesmo pois íamos pegar a estrada até Betty´s Bay logo em seguida. As mesas dos restaurantes ficam ao ar livre e fomos rodeados por pássaros. Foi impossível não lembrar do filme do Hitchcock. Vocês já assistiram? Eu tinha pavor daquele filme quando era criança, mas foi meio engraçado estar rodeada de tantos pássaros assim. Um deles me deu um rasante na orelha. Tudo pra pegar um pedaço da minha pizza, mas eu fui mais rápida que ele. Os nossos vizinhos de mesa não tiveram sorte. Eles compraram salgadinho e os passarinhos chegavam a tirar quase da boca deles a comida. Se forem comer por lá lembrem do filme e cuidem-se!

Informações Práticas

Cabo da Boa Esperança

Ingressos: devem ser comprados na hora, na entrada do parque.

Quanto custa: R 145 adultos e R 75 crianças. Se você quiser usar o funicular custa R 70 adulto e R 30 crianças, se for ida e volta. Se for apenas um trecho R 55 adulto e R 22 criança. (jan/2018)

Horário de funcionamento: Das 6 da manhã ás 6 da tarde de Outubro a Março e das 7 da manhã às 5 da tarde de abril a setembro.

Como chegar: A estrada da entrada do Parque não tem nome, mas as coordenadas de GPS são S 34º18’47.9’’ E18º26’52.7’’

Não há transporte público até lá. Existe uma opção de passeio que sai da Cidade do Cabo às 9h45 retornando aproximadamente 17h30. Passa por outros lugares além do Cabo da Boa Esperança, como Boulder´s Beach – para ver pinguins – e Muizenberg Beach. Para saber valores acesse o site.

Mais informações: Cape Point South Africa

 

Gostou desse post? Dá um pin nele no Pinterest

 

The Cape Point Explorer bus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *